Em Rondônia, acidente com viatura da PM mata jovem de 18 anos - ANARIWEB

DESTAQUE DA SEMANA

Seguidores

quarta-feira, 24 de novembro de 2021

Em Rondônia, acidente com viatura da PM mata jovem de 18 anos




Morreu no hospital, o condutor de uma motoneta Biz, que se feriu após uma colisão entre a motoneta que era conduzido por ele e uma viatura da Polícia Militar (PM), na noite de segunda-feira (22), em Cacoal (RO).

De acordo com informações de familiares, Israel Barbosa, de 18 anos, foi socorrido ao Hospital Regional de Urgência e Emergência (Heuro), com três fraturas na perna. Depois de passar por uma cirurgia, teve hemorragia interna, sofreu uma parada cardíaca e acabou morrendo na madrugada desta terça-feira (23).

Em entrevista na manhã desta terça-feira, o comandante do 4º Batalhão de Polícia Militar, o major PM João Carlos Rodrigues Matos, explicou que uma caminhonete da Patrulha Tático Móvel (Patamo), da PM, estava em patrulhamento pela avenida Malaquita sentido ao Hospital Regional, quando ao realizar uma conversão à esquerda para entrar na rua Padre Anchieta, em direção ao Parque Sabiá houve a colisão com a motoneta que atingiu a parte frontal direita da viatura.

“No momento do acidente, ele teve fratura na perna vindo ao solo e foi socorrido pelos policiais e também pelo Corpo de Bombeiros e encaminhado ao hospital para o socorro de urgência”, revelou o major.

Após o acidente a Polícia Técnico-Ciêntifico foi acionada para tentar descobrir as principais causas da colisão.



Segundo Matos, todas as medidas de prevenção foram tomadas, visando a colaboração para a elucidação do acidente.

“Ainda é cedo para podermos estabelecer qualquer culpa por qualquer dos condutores desse acidente. Isso será apurado pela Polícia Militar e também pela Polícia Civil para se chegar a uma conclusão qual foi a possível causa desse acidente”, relatou.

Ainda de acordo com o comandante da PM informações que foram espalhadas de que a guarnição estava em perseguição não procede, pois a viatura estava em patrulhamento em uma velocidade de 21,2 quilômetros por hora, dentro do limite de velocidade permitido para a via que é de 30 quilômetros por hora.

“Nós sentimos muito por esse acidente. Estamos em contato com a família para tentar amenizar esse momento de dor. Todo fato, logicamente, será apurado e possivelmente chegaremos a uma conclusão bem precisa desse fato”, esclareceu o comandante.

Nas redes sociais, diversos amigos lamentaram a morte precoce de Israel Barbosa. Israel é filho do agente municipal de trânsito Marcelo Bottaro.

Fonte: Segundo News


Fotógrafo: Segundo News

.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

O site ANARI WEB não se responsabiliza pelo comentários realizado por terceiros.

Páginas